segunda-feira, 30 de junho de 2008

dias quentes





Noites abafadas. Maré baixa. Banhos intermináveis e areia nos pés (drama da pequena que ainda põe a praia a olhar para nós, mas está a melhorar… se lá ao fundo não houvesse mar não se metia nisto…).

sexta-feira, 20 de junho de 2008

pausa

Fui ver o mar e molhar os pés.

segunda-feira, 16 de junho de 2008

a caminho



Um conjunto de «casquinhas» para o Espaço Anthrop.

quinta-feira, 12 de junho de 2008

todos os anos





Por acaso olhei pela janela de manhã e vi-a. Por pouco escapava-me e quando chegasse a casa ao final do dia já estaria murcha. Dura apenas um dia, são lindas e fotografo todas as que têm aparecido ao longo dos anos.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

«borboletas»



………

Vale a pena conhecer the girl effect.

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Jacarandás



Depois das flores, fico à espera que alguns frutos também caiam. Quem não gosta de ver um chão assim.

domingo, 8 de junho de 2008

piquenique





Fizemos um piquenique aqui e pintámos borboletas.

sábado





Na aldeia hípica caspolina.

sexta-feira, 6 de junho de 2008

Vivam as paredes!


Desenhos aos quadradinhos com a descoberta destes lápis.

quarta-feira, 4 de junho de 2008

domingo, 1 de junho de 2008

Tantas perguntas!



Depois deste post ainda ouvi:
— Quando for crescida eu vou ser mãe e conduzir o teu carro!

Apesar destas afirmações com toda a convicção, também há perguntas como:
Quando eu estava na tua barriga eu dormia? Quando eu era bebé o que eu fazia?… o que eu gostava?A escolha do livro Quando Eu Nasci, do Planeta Tangerina, foi oportuna e recebida com todo o interesse. Não consegui trazer da feira só este, o Coração de Mãe também veio.